quarta-feira, 22 de julho de 2015

"Royal Wedding" (Diário da Princesa #11) - Meg Cabot

Quem me conhece bem sabe que sou louca pelo "Diário da Princesa". Desde os meus 12 anos que esta série literária faz parte da minha vida; quem sabe se muitas das minhas pancas e opiniões não terão sido por ela influenciadas. Afinal, somos um bocadinho de tudo aquilo que vemos, ouvimos e lemos, e eu li muitas vezes o "Diário da Princesa"!

Era na companhia da Mia, da Lilly, do Michael, da Grandmére, do Fat Louis e de muitas outras personagens, que eu me refugiava durante os dez longos anos que os livros demoram para serem traduzidos e publicados em Portugal. Fazia parte da minha rotina, quando entrava numa FNAC, ou numa Bertrand (ou noutra livraria qualquer) ir verificar na secção juvenil se já não teria saído o novo livro do "Diário da Princesa". Até ao dia em que saiu o último volume e eu o comprei e devorei com um misto de alegria e tristeza. Nunca mais ia rir-me com as tolices da Mia e as suas inseguranças um pouco infundadas.  

Felizmente estava errada e este 11º volume do Diário da Princesa, veio de novo trazer o riso a meio da leitura, ainda que esta aborde temas mais adultos. Neste livro senti que Meg Cabot conseguiu na perfeição pegar em personagens, que já não são adolescentes e, mantendo a sua essência, torná-los em pessoas adultas. Pessoas, que no fundo nos mostram aquilo que, agora que também sou adulta, começo a perceber sobre a vida: as pessoas não crescem, as pessoas não mudam; as pessoas simplesmente adaptam-se. O que elas são e as suas inseguranças acabam sempre por existir. Nós é que aprendemos a coabitar com elas.
 
Quanto à história em si, reconheço que estão presentes alguns clichés, mas são apresentados de tal forma que acabam por, no final, funcionarem muito bem e ainda conseguem fazer-nos dar umas valentes gargalhadas (pelo menos comigo funcionaram). 

Ah! Que bom foi ter mais um gostinho a "Diário da Princesa". Pergunto-me se talvez Meg volte a pegar nestas personagens, ou pelo menos numa delas, abrindo um novo espaço para uma nova Princesa, no seu universo literário. 

2 comentários:

Anónimo disse...

Boa noite,
posso perguntar onde é que encontrou o livro para compra?
está em inglês ou português de Portugal?

Ando feita uma criança à procura deste volume e não o encontro.

Obrigada bj

Ana Luisa Alves disse...

Bom dia!

Li a versão inglesa. Comprei via internet, na Amazon.co.uk ;)
Aproveite que agora a libra está mais barata!

Cumps!