domingo, 29 de janeiro de 2012

Crítica Literária

Há já dois anos que tenho vindo a escrever estas pequenas críticas literárias. No entanto, parece que não evoluo. Tenho noção que a minha visão dos livros é muito superficial, quase sempre centrada na história e na sua capacidade de me surpreender ou de me emocionar. Mas será que é assim porque não tenho capacidade para “ver nas entrelinhas”, ou será um mero caso de preguicite aguda?

Deixo aqui um pequeno apelo, para que me enviem links de sites/blogs, ou mesmo referências de livros sobre crítica literária. (em Inglês ou Português).

Espero sempre continuar a melhorar as minhas opiniões e os argumentos que as suportam e por isso peço a vossa ajuda. 

Muito obrigada queridos seguidores,
Alu

8 comentários:

Carla M. Soares disse...

Não sei se é necessário que a "critíca literária" que vamos fazendo nos nossos blogues seja outra coisa senão aquilo que é. Há já bastantes críticos profissionais a dissecar os livros e a encontrar o que nós não vemos nem precisamos de ver. Porque não pensar num livro pelo lado da emoção que nos desperta? Não é isso que inspira outros a ler o que nós lemos - ou pelo contrário, a pô-lo de lado. Não e o que nos leva a abrir um livro e a devorá-lo?
Boas leituras e boas opiniões, tais como elas são!

Carla M. Soares disse...

Oops, e aqui está como uma pontuação errada cria um sentido inteiramente diferente. Leia-se: "Não é isso que inspira outros a ler o que nós lemos - ou pelo contrário, a pô-lo de lado?", com o devido ponto de interrogação. As minhas desculpas. :P

Ana Luisa Alves disse...

Carla, obg pela resposta!Concordo contigo, as críticas devem incluir aquilo que nos despertou emoções e o que não o fez. Contudo, tenho a sensação de que há livros que leio que vão muito além de apenas a história, mas que a minha dificuldade em entender a mensagem do autor me leva a fazer uma interpretação errada. Não aspiro a ser uma crítica profissional, mas acredito que devemos sempre tentar melhorar aquilo que fazemos, tentando fazer sempre melhor.

Cumps!
Alu

Luís Azevedo disse...

Acho que fazes muito bem em querer aprofundar os teus conhecimentos e tentar melhorar aquilo que fazes. Apesar de seres apenas uma leitora e não um crítico profissional nada de mau advirá de possuíres mais conhecimentos.
Creio que foi há dois anos que tive uma disciplina de Língua Portuguesa Contemporânea. Nessa aula estudei um livro que já tinha lido, "Ensaio Sobre a Cegueira". Achei impressionante o número de pormenores que deixei escapar. E sim, adorei o livro sem o perceber completamente, mas não o apreciei na totalidade. Talvez se tivesse inferido muitos desses pormenores sem qualquer auxílio a satisfação ao lê-lo seria fosse muito maior.

Sara disse...

Olá,

Eu tb publico "críticas" no meu blog e percebo bem o que dizes...às vezes por mais que escreva não consigo dizer tudo aquilo que o livro me transmitiu e acabo por aflorar apenas os pormenores. Acho que é muito importante nunca desistir..escrever, escrever, escrever! E ler muito tb, pois só assim ganhamos bagagem cultural. AS vezes não apreender-mos certos pormenores tb tem que ver com a maturidade, ou seja, a medida que crescemos vamos encarando as coisas de outra forma...sempre que posso releio certos livros e apercebo-me disso.

O que eu faço é deixar a crítica em stand-by enquanto estou a ordenar as ideias...ás vezes chego a escrever a opinião um ano ou dois depois, quando já reflecti sobre a temática do livro.

Apesar de muitos blogs fazerem "críticas" literárias eu acho que é um tipo de texto dificil e o que acontece em muitos desses blogs é que se deixam cair em lugares comuns e tornam-se desinteressantes. Acho que o importante é nunca desistir-mos de ler e escrever!

cumps..e desculpa o testamento -_-

Ana Luisa Alves disse...

Concordo ctg Sara. Realmente cada vez mais os blogs sobre livros estão a tornar-se demasiado iguais em conteúdo, porque a escrita e as críticas dizem sempre o mesmo.

Não tem mal o testamento! Eu gosto de testamentos! XD

Inori Kwanon disse...

Muito interessante o teu blo. O meu trata de crítica literária (em português), porém sob forma de sátira de estilos além de entrevistas ficcionais. Não sei se conhecê-lo ajudar-te-ia a responder às tuas perguntas citadas mais acima.

Em todo o caso, tua visita me dará grande honra e prazer. Saudações literárias,

Inori

Anónimo disse...

Deixe-me aconselhar - vos a lerem "Pedras Negras" de Cati Martins (disponíveis na Bertrand)! Dirá que tipos de sentimentos desperta, pois não conseguira ver mais a nada a não ser os fortes sentimentos daquele livro. É pequeno, barato e acredite que super emocional.